Marketing no Segmento Automotivo: Entenda as Principais Estratégias

Por: Bruno Guerra

28 de janeiro de 2020 Google, Marketing Digital, Mazag, Redes Sociais, Vídeo Nenhum Comentário

Todo dono de concessionária precisa entender de marketing no segmento automotivo. Isso porque, na maior parte das vezes, não dá para pagar uma agência especial para trabalhar apenas com a sua concessionária.

Quem trabalha com sistema de filiação a uma montadora, como alguém que monta uma concessionária Ford, Audi e Volvo, se beneficia do marketing das empresas, que são mais poderosos e com um orçamento maior do que a concessionária.

No entanto, é importante poder agir com estratégias próprias para vender mais no seu contexto. Especialmente se você não tiver o apoio de uma montadora.

Mas que estratégias realmente funcionam dentro do marketing no segmento automotivo? Siga a leitura para saber quais são!

O Marketing no segmento automotivo é essencialmente local

Para as montadoras, o marketing é essencialmente nacional. Ou seja: a ideia é tentar vender o seu carro em todo o país. Por isso, as ações publicitárias visam alcançar a maior quantidade de gente possível, incluindo comerciais de TV.

No entanto, no contexto das concessionárias, o foco é essencialmente local. Por exemplo, imagine uma concessionária que vende carros em Florianópolis. Essa empresa não tem como vender carros para um cliente de São Paulo.

Por isso, não vale a pena investir em segmentos nacionais, apenas em ações cujo poder seja local e otimizado para isso.

Dessa forma, as estratégias de marketing no segmento automotivo devem priorizar o contexto local das concessionárias, para obter os melhores resultados possíveis.

Mais do que uma estratégia em si, essa técnica é uma espécie de diretriz que deve guiar as ações publicitárias da empresa.

Por exemplo, há uma página nas redes sociais para captar clientes? Então ela deve focar em alcançar público da mesma cidade em que a concessionária está instalada ou ao redor disso.

Se há um plano para executar links patrocinados, então eles devem ser direcionados para as pessoas que vivem próximas da sua empresa. Assim, as chances de sucesso são maiores.

Classificados online são uma boa ferramenta de marketing automotivo

Há alguns anos, as concessionárias de usados e seminovos sofreram um baque bem específico: os classificados online. Sites como o Mercado Livre, OLX e outros foram inundados por vendedores de automóveis substituindo o intermediário e negociando diretamente com os compradores.

Para combater essa concorrência extra, o mais recomendado é operar nos mesmos lugares. Por isso, as concessionárias devem manter perfis em sites de classificados online com os seus automóveis também.

É fato que as pessoas não costumam comprar carros pela Internet (pelo menos não em grande quantidade), mas é fato também que elas gostam de pesquisar por automóveis na Internet.

Por isso, estar disponível nos classificados online é o primeiro passo para atrair novos compradores e tentar fechar negócios com os consumidores que estão buscando online.

Invista em campanhas de Google Ads

Uma ferramenta importante para quem cuida do marketing em segmento automotivo é investir em campanhas de links patrocinados no Google Ads.

Esses links patrocinados são anúncios pagos ao Google para exibir o site da sua concessionária em primeiro lugar nos resultados de pesquisa, bem no campo de anúncios para os usuários clicarem.

Os anúncios em si são baratos, mas a campanha pode sair cara. Por exemplo, se você optar por uma palavra-chave cara, pode vir a pagar R$5,00 ou mais por clique. No entanto, cada clique tem alta chance de trazer resultados.

Imagine, por exemplo, que sua taxa de conversão online é de 0,1%. Ou seja: a cada 1000 pessoas que visitam sua landing page, uma compra um carro.

Se cada clique custar R$5,00, você terá de investir aproximadamente R$5.000,00 por venda. No entanto, cada venda pode gerar R$200.000,00 ou mais dependendo do perfil do carro.

Automóveis mais baratos são mais fáceis de vender e, por isso, não exigem tantas pessoas ou palavras-chaves tão caras.

Por causa disso, os investimentos são menores. É possível começar a vender investindo R$500,00 ou menos na ferramenta de Ads.

Marketing e vendas alinhados devem estar alinhados

Uma das necessidades do marketing no segmento automotivo é estar alinhado com o setor de vendas. Essa estratégia ganha o nome de Smarketing ou Vendarketing.

Isso acontece quando o departamento de marketing e vendas trabalham fisicamente juntos para gerar os melhores resultados possíveis. Quando o produto é caro (como é o caso de um veículo) é essencial usar o Smarketing para ter os melhores resultados possíveis.

Com essa estratégia, é possível otimizar esforços para qualificar os leads adequadamente e abordar apenas os maduros, prontos para comprar. Assim, menos energia é gasta para fechar negócio e menos leads são desperdiçados em negociações mal-sucedidas.

Investir no Marketing Mobile é essencial

Outra diretriz que deve guiar todas as suas estratégias de marketing no segmento automotivo é pensar no mundo mobile.

Hoje em dia, os celulares já fazem mais buscas no Google do que o desktop. Atualmente, o acesso a Internet é feito mais pelos smartphones do que pelos computadores.

Por causa disso, é importante pensar em suas estratégias direcionadas para o público mobile. Ou seja: vídeos, fotos, conteúdos e todo o tipo de ação deve ser direcionada para esse segmento.

Imagine que você produzirá vídeos para suas redes sociais. Faça-os no formato de um celular, retangular verticalmente, em vez de um formato típico de computador, que é retangular horizontalmente.

Se for investir em um site para os clientes conhecerem seu catálogo online, garanta que ele será responsivo e amigável aos usuários mobile, essenciais nessa área.

Nos anúncios, produza versões otimizadas para mobile e para desktop. Dessa forma, você conseguirá os melhores resultados em cada uma das plataformas.

Essas são as principais estratégias que realmente funcionam no marketing no segmento automotivo. O segredo para uma estratégia otimizada é pensar em direcionar seu conteúdo para as pessoas que vão entrar na sua concessionária e garantir que conseguirá convertê-las em clientes.

Claro que é mais fácil falar do que fazer, mas muitas concessionárias estão com ótimos resultados investindo em ações desse tipo. Por isso, vale a pena tentar as estratégias também.

E aí, o que achou das nossas dicas? Comente abaixo com a sua opinião!