Como Aplicar o Big Data em Sua Estratégia de Marketing

3 de fevereiro de 2020 Marketing Digital, Mazag Nenhum Comentário

Você acompanha as principais novidades em termos de tecnologia? Se a resposta for sim, certamente você já ouviu falar em Big Data.

Assim como a Inteligência Artificial (IA) causou um grande impacto em vários tipos de estabelecimentos, o Big Data também mostrou a sua importância.

Afinal, ele tem sido eficaz para desenvolver estratégias de marketing cada vez mais assertivas, justamente porque unifica uma série de dados essenciais que podem influenciar diretamente em uma campanha.

Além disso, o Big Data também pode ser aplicado no setor financeiro de uma empresa, evitando fraudes e possibilitando uma análise mercadológica mais consistente, baseando-se em dados coletados.

Por isso, mais do que uma simples pesquisa de consumo, o Big Data faz com que a sua empresa ganhe destaque no mercado e seja uma das líderes do seu segmento.

Então, se você quer saber mais sobre ele e como ele pode ser utilizado de maneira eficiente na sua estratégia de marketing, siga na leitura deste artigo para conhecer mais sobre esse assunto.

O que é o Big Data?

Em qualquer operação realizada na internet são gerados diversos dados, seja em um comentário em rede social ou uma operação de compra de vacuum forming.

Eles registram as etapas que envolvem ações em variados momentos, para que as diferentes informações possam ser utilizadas estrategicamente em outras circunstâncias.

Dados sigilosos

Os dados sigilosos envolvendo compras na internet, como não poderia deixar de ser, ficam de fora desse processo.

Informações cruciais

De qualquer modo, como o volume de informações coletadas é grande, o Big Data tem por objetivo apresentar aquelas que fazem mais sentido para o seu negócio, dividindo-as em vários grupos.

Com isso, as suas ações podem ter subsídios mais valiosos, ajudando na tomada de decisões sobre vários temas relacionados ao seu negócio.

Nesse sentido, o Big Data pode ser essencial para:

  • Reduzir custos para a sua empresa;
  • Aumentar a produtividade do seu estabelecimento;
  • Entender as tendências do seu segmento;
  • Aprender mais sobre o perfil dos seus consumidores.

Essas ações são possíveis porque o Big Data recolhe dados essenciais envolvendo diversas atividades online e faz uma seleção interessante, que possibilita direcionar o seu negócio com maior assertividade.

Exemplo 1

Isso pode ser facilmente compreendido ao analisarmos uma empresa que atua com a limpeza de aeronaves, por exemplo.

Certamente os seus custos, assim como as suas campanhas de marketing, precisam ser detalhadamente elaborados.

Afinal, se você não atua nesse setor e nem utiliza esse tipo de serviço, provavelmente nunca chegou a ver um anúncio desses.

Logo, o Big Data vai possibilitar que a empresa saiba onde a campanha deve ser disseminada, qual público ela deve atingir e onde vai ser encontrada.

Além disso, com todas essas informações disponíveis, os próprios custos da empresa são reduzidos, já que para obter um cliente, ela terá direcionado os seus anúncios para os canais certos.

Tendências do segmento

Com o Big Data, ainda é possível captar dados que ajudem os empresários a entender mais sobre as tendências do seu segmento, para que o seu estabelecimento esteja sempre em um bom posicionamento.

Sendo assim, para que uma marca possa estar destacada na sua área de atuação, ela precisa estar sempre à frente das suas concorrentes.

Por isso, a importância do Big Data para os diferentes tipos de setores do mercado só cresce e, dado esse cenário, ele será indispensável para qualquer tipo de negócio.

Como aplicar o Big Data na sua estratégia de marketing

O Marketing é um elemento fundamental para que uma marca se consolide no mercado e alcance cada vez mais clientes.

Ao utilizar o Big Data nas suas estratégias de marketing, você pode tornar os seus processos de divulgação ainda mais promissores e eficientes.

Isso porque você consegue entender melhor as tendências do seu mercado e atuar com maior minúcia para corresponder as necessidades dos seus clientes.

Entendendo as dores do seu público-alvo

Do mesmo modo que uma empresa de conciliação de cartões precisa entender quais são os desafios e as dores do seu público, um empresário deve saber onde inovar no seu segmento e assim adquirir mais fregueses.

Com o Big Data coletando uma série de informações que vão revelar o perfil do seu público-alvo, todo esse processo se torna muito mais assertivo.

Assim, você saberá em quais pontos será necessário investir para criar uma campanha de marketing mais eficiente, que realmente impacte os seus potenciais clientes.

Traçando perfis

Se o Big Data recolhe e organiza os mais diversos dados, você pode consultar os que possuem sinergia com o seu segmento e traçar o perfil do seu público para oferecer a solução que ele busca.

Ou seja, se você observa as etapas envolvidas na compra do seu público-alvo, certamente quando elaborar uma campanha você saberá qual a melhor imagem, descrição e linguagem para empregar no seu trabalho.

Isso porque se você quer impactar pessoas mais jovens, o tipo de abordagem realizada deve ser totalmente diferente da utilizada com o público de uma faixa etária maior.

Exemplo 2

Um exemplo do uso do Big Data para traçar o perfil de um determinado cliente é aquele visto nos principais streamings especializados em filmes ou vídeos.

Ao utilizar a plataforma, você recebe recomendações baseadas nas suas últimas visualizações, como um modo de apresentar sugestões que podem agradar aos espectadores.

Do mesmo modo, uma loja de equipamentos eletrônicos pode apostar nessa estratégia para colher resultados por via do Upsell, trazendo vendas mais lucrativas para o seu estabelecimento.

Certamente você já realizou a busca de um produto em um e-commerce e recebeu sugestões que pudessem complementar a sua experiência com ele de modo interessante.

Nesse sentido, o Big Data oferece as informações que ajudam nessas oportunidades e tornam as vendas online muito mais lucrativas.

Criação de mensagens personalizadas

Com o Big Data oferecendo os dados necessários para que você compreenda o seu público de maneira aprofundada, você pode criar mensagens muito mais eficientes.

Assim, as suas campanhas de e-mail marketing, elaboração de newsletters, e até mesmo os conteúdos que serão abordados no seu blog e nas suas redes sociais vão se comunicar melhor com os seus leitores.

Você ainda pode planejar as abordagens adequadas de acordo com a etapa do funil de vendas em que cada cliente se encontra, de modo a promover contatos coerentes.

Isso pode ajudar no fechamento de novos pedidos, mas também no seu atendimento com os consumidores, já que você terá subsídios para basear toda a sua abordagem em dados concretos colhidos no Big Data.

Desenvolvimento de novos produtos e serviços

Outra excelente utilidade do Big Data no marketing da sua empresa é a possibilidade de seguir as informações coletadas para aplicar no desenvolvimento dos seus produtos e serviços.

Ou seja, se em algum momento você ofereceu um serviço para o seu cliente, mas percebeu que ele poderia ter contratado alguns extras, a sua estratégia de venda precisa ser melhorada.

Sendo assim, em uma próxima negociação, você pode mostrar ao comprador a vantagem do seu novo pacote, que entrega um trabalho mais completo e eficiente.

Por isso, com o Big Data, você entende qual é a demanda do seu público-alvo e oferece o que ele precisa.

Big Data e experiência do usuário

A importância de proporcionar uma excelente experiência para o usuário é essencial, e se tornou um requisito básico dentro dos padrões de qualidade dos negócios.

Qualquer pessoa, quando está na posição de consumidor, quer ter os melhores produtos ou serviços, com os preços mais atrativos e claro, receber um atendimento qualificado.

Nesse sentido, entender como deve ser a experiência de um cliente dentro da sua empresa fica muito mais simples.

Mas, com o avanço da tecnologia e com o uso dos recursos mais modernos do mercado, como é o caso do Big Data, isso pode ser ainda melhor.

Assim, se você compreende exatamente o que deve ser realizado para fidelizar os seus compradores, fazendo com que eles admirem a sua marca, indique os seus serviços e se torne um comprador fiel, significa que você ofereceu uma excelente experiência para eles.

Considerações finais

Se antes alguns estudos eram capazes de fazer com que os responsáveis pelo marketing do seu negócio pudessem se aproximar cada vez mais da campanha ideal, com o Big Data isso se torna completamente possível.

Isso porque você saberá o que precisa oferecer, a precificação adequada para conquistar o seu público e qual é o processo que deve ser seguido para o sucesso de uma venda no seu negócio.

Desse modo, é possível entender um pouco mais sobre o valor do Big Data dentro do cenário econômico atual, e buscar os meios de implementá-lo o quanto antes nas suas estratégias de marketing.