5 Dicas Preparar Sua Empresa Para 2020

O ano de 2020 já está quase aí e é o momento ideal para começar a pensar em como preparar sua empresa para os próximos meses, sempre com base em dicas

Afinal, o sucesso depende de um planejamento adequado. Por essa razão, separamos alguns métodos de como organizar melhor a sua empresa para o próximo ano.

Como preparar sua empresa para 2020?

1 – Estabeleça novas metas para 2020

Antes de mais nada, é preciso fazer um balanceamento de todos os resultados deste ano que passa. 

Por exemplo, uma fábrica de janelas de alumínio pode verificar em quais meses as vendas foram melhores, se houve algum prejuízo em relação à produção, entre outros dados importantes.

A partir dessas informações, é possível fazer um levantamento de quais ações foram positivas e quais foram negativas, bem como se a empresa atingiu algum dos objetivos propostos. Em caso afirmativo, está na hora de estabelecer novas metas para 2020.

O ideal é que as metas sejam audaciosas, mas também alcançáveis, já que colocar objetivos impossíveis podem desapontar a equipe. Em geral, grande parte das empresas planeja:

  • Aumentar a lucratividade e o faturamento de vendas;
  • Reduzir custos de produção e gastos desnecessários;
  • Contratar novos colaboradores e estabelecer parcerias;
  • Expandir o número de clientes da empresa;
  • Ampliar o nicho de público, com novos potenciais clientes.

Uma boa dica para estabelecer novas metas para 2020 é colocar um prazo para alcançá-las. 

Um outro exemplo: uma empresa de locação de andaimes tubulares pode colocar nos planos a redução de perda de materiais em curto prazo, enquanto um outro objetivo, como ampliar o nicho de público, pode ser um objetivo para longo prazo.

Normalmente, as metas de curto prazo são executadas em um período de 3 a 6 meses; médio prazo, de 1 a 3 anos; e longo prazo, em torno de 5 anos. 

Entretanto, isso irá depender de muitos fatores, incluindo o tamanho da empresa, o faturamento dos negócios, as oscilações do mercado, etc. Por isso, cada empreendimento pode ter uma variação quanto ao período de cumprimento de metas.

2 – Crie uma matriz SWOT para seus objetivos

A matriz SWOT (Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats, ou em português Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças, respectivamente) é uma das principais estratégias de marketing para o ramo empresarial. 

Também chamada de FOFA, o método serve para o planejamento estratégico de gestão, bem como para novos empreendimentos.

Resumidamente, a matriz SWOT é uma ferramenta usada para analisar cenários, verificar fatores e contribuir para gestão de projetos, sendo possível embasar as decisões a partir de dados concretos. 

Dessa forma, a estratégia é usada por empresas que desejam implementar algum projeto ou investir em inovações para o negócio, com menos riscos.

Por exemplo, uma empresa de aluguel de máquina de café expresso que decide expandir o seu trabalho também para a venda do equipamento pode analisar o mercado com a matriz SWOT e, assim, perceber se é uma boa oportunidade alterar o foco dos negócios. 

Isso ajudará o empreendimento a perceber se a mudança trará mais resultados positivos ou negativos, de acordo com o perfil do público e fatores econômicos.

As siglas do SWOT dizem respeito ao tipo de análise feita: de forças e fraquezas (perspectiva interna da empresa), isto é, quais são os pontos positivos e negativos do projeto que se deseja implementar; e as oportunidades e ameaças (perspectiva externa de mercado), com análise da concorrência, do macroambiente político, social e econômico.

É interessante que toda a sua equipe possa fazer parte da construção da matriz SWOT, já que cada colaborador pode oferecer uma opinião a respeito de uma etapa do trabalho. 

Por exemplo, em uma empreiteira ou empresa de construção civil, os responsáveis pela segurança podem recomendar novas formas para aplicar o plano de reforma NBR 16280

Por outro lado, os engenheiros técnicos podem indicar novas maneiras de trabalho em campo.

Ou seja, apesar de serem trabalhos em diferentes áreas da empresa, eles se complementam. 

Por conta disso, é importante que todos os setores tomem conhecimento da matriz SWOT e tenham sua parcela de contribuição na análise dos fatores.

Depois de montar a matriz SWOT, é necessário aplicá-la na rotina de trabalho. Neste momento, trace ações preferenciais, conforme os dados que foram colhidos na análise. 

Se possível, desenvolva as metas do planejamento, levando em conta os fatores da SWOT.

3 – Elabore um calendário para as campanhas de marketing

O marketing é um dos setores mais importantes de qualquer empreendimento. Com ele, é possível elaborar estratégias para conquistar o público, atrair novos clientes e, consequentemente, aumentar as vendas e a lucratividade. 

Por essa razão, recomenda-se planejar as principais ações e campanhas de marketing para todo o ano.

E 2020 é o momento para não ficar de fora do mundo digital. Isso, porque toda empresa que deseja reconhecimento no mercado precisa ficar atenta às evoluções da tecnologia, principalmente com o avanço da internet.

Se o seu negócio ainda não possui nenhuma estratégia de marketing digital, agora pode ser a hora de começar a investir. 

Mesmo uma fábrica de sensores industriais, que vende para outras empresas, pode iniciar o planejamento com a criação de uma página no Facebook, uma conta comercial no Instagram e um website ou blog.

Além disso, é interessante elaborar um calendário com as principais datas comemorativas, para que a sua empresa possa planejar ações voltadas para esses dias em específicos. 

Por exemplo, veja qual é a melhor oportunidade para iniciar uma promoção de queima de estoque, ou fazer comemorações. 

Lembre-se de acompanhar a cultura da localidade em que está: como feriados especiais e celebrações de cada cidade.

4 – Procure por bons colaboradores

O início do ano é uma ótima chance de melhorar a sua equipe, sendo a hora certa para contratar novos colaboradores. 

Além disso, são nos primeiros meses do ano que as pessoas costumam procurar novas oportunidades de emprego.

O ideal é fazer uma avaliação de qual setor do seu negócio está precisando de novos colaboradores e, assim, iniciar um planejamento em conjunto com o Recursos Humanos. 

Lembre-se que um bom colaborador pode melhorar a produtividade do empreendimento e ajudar nos resultados da empresa, por isso, é preciso atenção na hora de iniciar a contratação.

Outro ponto que devemos considerar na hora de procurar novos funcionários é o acúmulo de funções. A empresa deve avaliar se alguns profissionais estão realizando mais de uma atividade e se isso está comprometendo a produtividade.

Por exemplo, uma fábrica especializada no desenvolvimento de cilindro hidráulico para diferentes máquinas pode separar equipes para cuidar da fabricação de componentes específicos para cada um dos clientes. 

Assim, tem-se produtos personalizados e direcionados para a necessidade dos consumidores.

5 – Participe de eventos corporativos

Uma das melhores formas de ter reconhecimento no mercado, ampliar a carta de clientes e estabelecer novas parcerias é com a participação em eventos corporativos, como feiras, congressos, apresentações e lançamentos de produtos. 

No começo de ano, é o período mais indicado para ter em mãos um calendário com os principais e mais importantes eventos, para já começar os planejamentos de participação.

Por exemplo, o lançamento de um novo pinador pneumático, com uma tecnologia de ponta, pode ser uma ótima oportunidade para as marcenarias conhecerem o produto. 

Por isso, é interessante ter conhecimentos dos eventos mais relevantes para a sua área de atuação, além de manter contato com outras empresas, que podem convidar o seu empreendimento para confraternizações.

Vale ressaltar que a organização de eventos corporativos também pode ser uma das metas da sua empresa, ainda mais quando se quer ter mais credibilidade e reconhecimento no mercado. 

Dessa maneira, faça um planejamento de qual o momento ideal para começar um evento e qual é o objetivo.

Por exemplo, pode ser que o lançamento de uma caixa de inox não seja tão relevante, mas uma confraternização para apresentar os novos parceiros tenha uma significativa importância. 

Não se esqueça que, se optar por organizar um evento, a sua empresa deve cuidar de todos os detalhes e isso terá um custo – por esse motivo, verifique se é um investimento válido ou se isso trará gastos desnecessários.

O segredo é planejar!

O planejamento é tudo para começar o ano com o pé direito. Não há sucesso sem organização, daí a importância de um projeto adequado, para todos os setores da empresa.

Sendo assim, antes de mais nada, inicie 2020 com muito planejamento

Isso inclui não somente os passos futuros, mas também, uma análise detalhada dos resultados do ano anterior, para perceber quais foram as estratégias positivas e trouxeram bons frutos para a sua empresa.