7 anos de Agência Mazag & 7 dicas para anunciar no Google de forma inteligente

Olá,

Chegou a hora de celebrar o aniversário da Agência Mazag e, assim como o ano passado, não poderíamos deixar de fazer o nosso trocadilho anual. Estamos comemorando 7 anos de existência e por isso, você, leitor do nosso blog, irá ganhar 7 dicas rápidas para anunciar no Google de forma inteligente e otimizar sua verba de marketing.

Preparados? Então vamos!

1 – Você precisa saber o que é e como funciona os anúncios no Google

Faça agora uma busca no Google pela palavra-chave do seu negócio, digamos que você venda instrumentos para medição, como por exemplo, micrômetros digitais, digite isto e você verá anúncios no topo da página do Google. Para sua empresa aparecer com anúncios neste local, você disputará espaço com seus concorrentes nas palavras chaves que são relevantes para seu produto, mas apenas será cobrado pelo Google quando os usuários clicarem no seu anúncio. Se você traçar uma estratégia adequada de segmentação, definir um orçamento adequado ao volume de buscas e tiver uma campanha relevante, você aparecerá na frente dos seus concorrentes. Seja relevante! Ainda com o exemplo de micrômetro digital, os seus anúncios deverão fazer referência a micrômetros digitais e não micrômetros analógicos, esta é uma dica muito importante e que muitos anunciantes negligenciam.

2- Comece com um objetivo

Que objetivo a sua empresa quer atingir? O volume de investimento no Google está atrelado ao quanto de receita você espera conseguir com esta ação de marketing. Aqui na nossa agência, temos clientes que investem de R$1000,00 a R$25.000,00 todo mês. Com a nossa ajuda, estes clientes conseguiram determinar o retorno sobre o investimento das campanhas e ajustaram seu orçamento a realidade de seus negócios e seus mercados, entenderam como se diferenciar num mercado cada vez mais competitivo e seguem colhendo resultados mesmo em tempos de crise como o que vivemos atualmente.

3 – Escolha quais palavras-chave são as mais relevantes para o seu negócio, evite palavras muito amplas

Quando você definir as palavras chave para a sua campanha, procure aquelas que refletem aquilo que os seus potenciais clientes realmente digitarão na pesquisa do Google. Seja específico: Se você vende pneus somente de determinado tamanho e marca: por exemplo, Pneu aro 15 Pirelli. Evite palavras como “Pneu aro 15” ou “Pneus”, foque nas palavras que contenham Pneu Pirelli Aro 15.

4 – Defina um investimento que caiba no seu orçamento: na média dos mercados, o investimento em marketing gira em torno de 5% a 10% da sua receita, ou seja, se você receita mensalmente R$100.000,00 um valor adequado seria algo em torno de R$5000,00 reais. Os valores pagos nas palavras chaves variam em função dos lances para cada uma, sendo que estes lances variam em função das ofertas pela palavra chave, a relevância e o índice de qualidade da sua campanha. Através de relatórios gerenciais das Campanhas no Google, observe quais palavras-chaves lhe trazem mais vendas e mais contatos de potenciais clientes de forma a manter na sua campanha somente palavras chave que trazem vendas.

5 – Um anúncio persuasivo faz muita diferença

A anatomia do anúncio no Google descrita é assim: O link para o seu site no rodapé do anúncio, acompanhado de uma linha chamada HEADLINE que contém 25 Caracteres, seguida por duas linhas de 35 caracteres.  Este é espaço que você irá utilizar para anunciar, pense no seu negócio e coloque aqui os benefícios e características do que você oferece. Por exemplo, veja um anúncio se você oferece serviços de reformas:

Precisa Reformar?

Solicite uma Visita Gratuita e

Receba Um Orçamento Completo.

www.construtoraguarapari.com.br/reformas

Perceba que deixei bem claro que faremos um orçamento completo e que a visita é gratuita, isto é um exemplo de benefícios e características!

6 – Anuncie no Google e depois anuncie no Bing:

Todo mundo sabe que o Google é o maior buscador do mundo, não é mesmo? Mas pouca gente sabe que mais da metade dos computadores são vendidos com o Sistema Windows. Como o Bing e o Windows são da Microsoft, este buscador acaba sendo o padrão de busca para muita gente que navega através do Internet Explorer e Microsoft Edge, logo, você também encontrará seu público neste buscador com investimento bem menor do que no Google. O funcionamento de anúncios do Google é muito parecido com os anúncios no Bing.

7 – Otimize sempre a sua campanha e o conteúdo do seu site

Você precisará experimentar diferentes palavras chave, estratégias e orçamentos para descobrir quais geram os melhores resultados para o seu negócio. Lembre-se, entretanto, que tráfego para o seu site não é o seu objetivo em si – você precisa ter certeza que os visitantes do seu site estão comprando, solicitando pedidos e cotações. Conforme dito anteriormente, não utilize palavras chave que custam muito e não trazem vendas ou novos pedidos de orçamento. Certifique-se que a sua campanha esteja sempre bem relevante e trazendo resultados.

Por hoje é isso,

Gostou das dicas?

Continue acompanhando nosso blog e fique por dentro.

Até mais.